You are currently browsing the category archive for the ‘Japonês’ category.

Continuando os estudos do idioma japonês, o primeiro passo é entender que sua escrita é dividida em 2 silabários, que podem ser considerados equivalentes ao nosso alfabeto. Cada um contêm 71 símbolos (apesar disso ser polêmico, já que em alguns locais se encontram esses silabários com menos de 50. Conforme eu entender isso melhor eu posto aqui) que correspondem a todos os sons presentes na língua nipônica e os kanjis, símbolos com interpretações que variam de acordo com seu contexto.

Katakana

Foi criado por monjes em função da dificuldade de se lembrar a leitura dos kanjis, atualmente esse silabário é usado para escrever palavras estrangeiras e nomes próprios ocidentais.

Silabário - Katakana

Hiragana

As mulheres, privadas na época de receber educação formal como os homens simplificaram os kanjis que com o tempo foi tendo apenas significado sonoro. Hoje pode se escrever quase todas as palavras nesse silabário, o qual inclusive tem sido muitas vezes mais usado que os ideogramas, livros infantis por exemplo, já são exclusivamente escritos em hiragana.

Silabário - Hiragana

Kanjis

São ideogramas, ou seja, cada símbolo possui um significado e a união de alguns deles podem formar outras coisas… como por exemplo, se unirmos três “ki” que significa árvore, teremos um “mori” que significa floresta. A própria palavra Kanji significa escrita chinesa. CHINESA? Isso aew, nem só de cópias vivem os chineses… o princripal meio de comunicação escrita japonês veio da China. Atualmente existem mais de 50 mil, mas ao contrário da China que usa apenas os kanjis, o Japão utiliza com mais frequência apenas 2 mil deles complementando suas frases com os dois silabários.

Veja alguns Kanjis aqui – http://www.geocities.com/tokyo/bridge/8780/sugestaokanji.htm

Anúncios

Tirar o cérebro da área de conforto é sempre bom, ainda mais se for para um bom motivo!

Há tempos que venho tentando aprender japonês, mas foi minha recente pesquisa sobre escrita e sua história que me deu aquele impulso que eu precisava para começar a estudar a língua.

japao2

Postarei aqui todos os sites e qualquer outra ferramenta que me ajude alcançar meu objetivo e espero que vocês se sintam motivados a aprender também. Não será uma jornada fácil, a preguiça vem como principal inimiga mas a ambição de saber mais triunfará!

Com a Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016 o Brasil ganha visibilidade, com isso ganha empresas e turistas e quantas pessoas  você conhece que fala pelo menos um pouco de japonês?

Bem os motivos para seguir essa jornada são muitos, o meu em especial é apenas o fetiche de não ser limitado ao inglês e espanhol que até o pipoqueiro da esquina já tem fluência.

Segundo o autor do site All Japanese All the Time ele foi capaz de aprender a não só entender como também escrever e falar japonês de forma fluente em apenas 18 meses!!! Acredito que para alguém determinado essa tarefa pode ser bem simples.

No próximo post irei dar uma introdução sobre o que são os silabários e ideogramas que compõe a língua, até lá se você sabe um pouco de inglês dê uma olhada no site que eu citei no parágrafo anterior e tire de lá a motivação necessária para suportar essa jornada!